Nando Rodrigues – Capa da VIU? 25

Atuando na novela Haja Coração, da Rede Globo, o ator Nando Rodrigues é apaixonado pela profissão que começou por acaso, mas tomou a devida proporção para o sucesso. 

Entrevista por: Dida Brasil / Fotos: Jeff Segenreich

 

Natural de Campo Grande (MS), Nando mudou-se para o Rio de Janeiro aos 17 anos com o objetivo de se dedicar completamente à carreira e, em homenagem ao avô, seu ídolo, optou por utilizar o sobrenome Rodrigues e o apelido de infância, quando precisou abrir mão do nome Fernando Bastos, logo que entrou na TV Globo, porque já havia um ator cadastrado com esse nome.

Em entrevista à VIU?, o ator fala sobre carreira, família, personagens que já fez e como está o trabalho nesta fase final da novela. Acompanhe alguns trechos:

V? – É verdade que sua relação com a carreira artística foi “por acaso” e de “amor à primeira vista”?

NR – Sim, é verdade. Foi na época do colégio; eu estava indo para aula de judô, e nesse dia o meu professor faltou. Um amigo que fazia teatro me convidou para assistir à aula e, durante um dos exercícios, a professora me convidou para participar. Desde então, nunca mais parei.

V? – O que te chamou a atenção já na primeira atuação? E a preparação técnica posterior?

NR – A possibilidade de poder ser quem você quiser, de explorar diversos universos e situações. Comecei muito cedo, ainda com 13 anos, no teatro de colégio. A preparação foi acontecendo de maneira natural e prática, até que decidi optar pela carreira artística e me dedicar realmente ao ofício profissionalmente.
V? – Um dos personagens que você fez e que repercutiu bastante foi o Virgílio, de Em Família. Como foi ouvir as pessoas pedindo para que voltasse à novela?

NR – Sim… Sem dúvida esse personagem foi um marco na minha carreira, e repercutiu muito positivamente diante do público. Foi incrível, pois foi meu primeiro trabalho com visibilidade e recebi esse carinho dos espectadores. Foi sem dúvida especial e fundamental.

V? – Em sua opinião, o que é necessário para que jovens atores conquistem espaço na vida artística?

NR – Perseverar; sem dúvida essa é uma palavra necessária. Muitas vezes pensei em desistir, mas o amor e o desejo de vencer dentro da profissão me impulsionavam cada vez que eu pensava em parar. Ler muito e ver os filmes que marcaram época são maneiras boas de se aprimorar e ter referências. No mais é preciso ter foco e muito trabalho!

V? – Você aparenta ser bem família. Adotou sobrenome de seu avô e os fãs têm curtido você em fotos com sua avó e outros parentes. Fale um pouco mais sobre seus familiares.

NR – Eles são a minha base, meu alicerce. Devo tudo que sou e conquistei à minha família.

V? – Como está sendo fazer Haja Coração? O convívio com todos da equipe? Como surgiu o convite para dar vida ao Henrique? A repercussão tem sido de seu agrado? como tem sido a reação do público ao seu personagem?

NR – Sem dúvida essa novela está sendo especial para todo o elenco que está participando. O clima nos bastidores é sempre muito agradável e palco de muitas risadas. Isso reflete diretamente no resultado para os espectadores e para nossa desenvoltura em cena. Estou muito feliz com a maneira que o público abraçou a nossa trama. Meu personagem foi bem aceito e estou tendo o prazer de contracenar com grandes atores, como Carolina Ferraz e João Baldasserine.

V? – E quanto a ter um relacionamento com mulheres mais velhas, a exemplo de seu personagem na novela, teria alguma restrição?

NR – Não. Acredito no amor e, portanto, a idade pouco importa. Nunca me preocupei com isso. Acho que em um relacionamento o que vale é a troca, e se ela existe está tudo certo!

V? – Já tem projeto para quando finalizar a novela? O que os fãs podem esperar?

NR – Devo voltar aos palcos logo após o fim da novela. Tenho dois filmes que devem entrar em cartaz nesses próximos meses; um deles é o longa francês Going to Brazil. Espero que Haja Coração reverbere em novos trabalhos. Amo o que eu faço, então férias estão sempre em segundo plano.

V? – Você esteve recentemente na Chapada dos Veadeiros, em Goiás. Já conhecia o lugar? O que achou?

NR – É um dos meus lugares favoritos no mundo e, sempre que eu posso, fujo para lá para me abastecer da energia incrível e singular que existe na Chapada.

 

Revista VIU? 25, veja aqui: https://goo.gl/SVDsrG

Comentários
Marcado com:     , , , , , , , , ,

Sobre o Autor /


Assine nossa Newsletter

Receba informações sobre a #RevistaVIU e fique por dentro das principais novidades.
Fundada em 2010 pela Alquimia Editora e Comunicação, A REVISTA VIU? atuante nos segmentos de moda, beleza, saúde, gastronomia, arquitetura, qualidade de vida, entrevista, roteiros, turismo, negócios e tecnologia vem se despontando como um grande canal de comunicação entre o público A, B e C+ atua no Planalto Central, Brasília, Pirenópolis, Anápolis, Posse, Formosa, Chapada dos Veadeiros, Alto Paraiso, Vila de São Jorge, Teresina de Goiás, Cavalcante e Goiânia.

Av. Valeriano de Castro, n° 119, Sala 01 - Galeria Santo Estevão

(61) 99676 3908

revistaviu@gmail.com